Blog do Portal

Conheça as 6 infrações de trânsito mais comuns no Brasil

julho 18, 2016

As infrações de trânsito são desobediências às normas e leis do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e cada uma delas é classificada de acordo com sua gravidade e o risco que representam às pessoas. Porém, cada vez mais os motoristas brasileiros desrespeitam as normas, colocando a vida alheia e a sua própria em risco.

Algumas infrações são particularmente recorrentes. No post de hoje, conheça as seis infrações de trânsito mais comuns no Brasil e a implicação de cada uma delas de acordo com a lei. Continue a leitura!

Ultrapassar o limite de velocidade

Essa é uma das infrações de trânsito mais cometidas em todo o país, provocando milhares de acidentes todos os dias. De acordo com o CTB, quem dirige acima da velocidade permitida por lei pode ser enquadrado em uma das três seguintes situações:

Até 20% acima

Quem dirige até 20% acima da velocidade permitida comete uma infração média, que resulta na perda de 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e em uma multa no valor de R$ 85,13.

Entre 20% e 50% acima

O motorista que ultrapassar a velocidade permitida entre 20% e 50% comete uma infração grave. Consequentemente, ele perde 5 pontos na carteira de habilitação e deve arcar com uma multa de R$ 127,69.

Mais de 50% acima

Quem ultrapassa acima de 50% da velocidade permitida comete uma infração de trânsito gravíssima. Além de perder 7 pontos na CNH, a carteira de habilitação é recolhida, resultando na suspensão do direito de dirigir do motorista. Há, ainda, uma multa de R$ 574,62.

Fazer ultrapassagens proibidas ou irregulares

A realização de ultrapassagens proibidas ou irregulares é outra infração de trânsito cometida frequentemente por condutores brasileiros. Aliada ao excesso de velocidade, essa conduta costuma causar acidentes gravíssimos, com alto índice de mortos e feridos. Quem faz qualquer tipo de ultrapassagem proibida ou irregular comete uma infração de trânsito gravíssima, perde 7 pontos na carteira e paga uma multa de R$ 957,70.

Utilizar o celular enquanto dirige

Dirigir requer atenção total por parte do motorista, e é justamente o que o celular põem em xeque: o seu foco no trânsito. De acordo com o CTB, quem utiliza o celular enquanto dirige comete uma infração média, resultando na perda de 4 pontos na carteira de habilitação e no pagamento de uma multa de R$ 85,13.

Deixar o som muito alto

Os limites aceitos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) são de 80dB em uma distância de até 7m e de 98dB em uma distância de até 1m. O condutor que ultrapassa esses limites não perde nenhum ponto na CNH, mas arca com uma multa de R$ 127,68.

Não dar preferência aos pedestres na faixa

Os motoristas mais apressados que não dão preferência aos pedestres na faixa cometem uma infração de trânsito gravíssima. Arrancar com o veículo em cima dos pedestres logo quando o sinal abre também resulta no mesmo tipo de violação. Ambas as condutas levam à perda de 7 pontos na CNH, além de uma multa de R$ 191,54.

Dirigir com a CNH vencida

Nenhum motorista pode dirigir com a sua carteira de habilitação vencida por mais de 30 dias. Caso isso aconteça, ele comete uma infração gravíssima, recebe uma multa de R$ 191,54 e tem seu veículo apreendido na hora da constatação da infração pelo agente de trânsito.

Evitar as infrações de trânsito é uma atitude que deve ser mais praticada pelos motoristas brasileiros. Dirigir dentro da lei evita que acidentes, muitas vezes graves, ocorram. Conscientize-se, dirija com cuidado e garanta a sua segurança e a de todos ao seu redor!